Prefeito assina projeto para inclusão da Mogi Expo Tatto no calendário oficial

Imprimir PDF



O prefeito Marcus Melo prestigiou, neste domingo, a 2ª Mogi Expo Tattoo, realizada no espaço interno do Pró-Hiper, no bairro do Mogilar. Melo também assinou a minuta do projeto de lei que objetiva inserir o evento no calendário oficial do município, o que garante que ele seja realizado anualmente. O documento já foi aprovado pelo Conselho Municipal de Turismo e seguirá para votação na Câmara Municipal.

“Incluir a Expo Tattoo no calendário oficial é garantir a realização do evento nos próximos anos, possibilitando um bom planejamento e fomentando a economia, a cultura e o turismo em nossa cidade. Quero parabenizar a todos os participantes e organizadores, que possibilitaram a Mogi das Cruzes mostrar o seu potencial também nessa área”, afirmou o prefeito.

A 2ª edição da Expo Tattoo reuniu mais de 150 tatuadores entre sexta-feira (9) até o domingo (11). O evento reuniu profissionais e adeptos do segmento, disseminando arte, cultura e integrando também outras manifestações artísticas.

 

“Além de disseminar a arte e promover o nosso município no cenário artístico e cultural, o evento também trabalhou a responsabilidade social, com a bilheteria solidária e a arrecadação de brinquedos para a Campanha Natal de Sorrisos, promovida pelo Fundo Social de Solidariedade”, agradeceu o secretário municipal de Cultura, Mateus Sartori.

O secretário de Estado da Cultura, Romildo Campelo, também prestigiou o evento e destacou a importância da valorização de cada segmento artístico. “A tatuagem simboliza a expressão de cada um e a cultura. Mas é também um grande negócio, que reúne importantes profissionais que hoje são reconhecidos”, afirmou.

A exposição realizada pelo segundo ano consecutivo no Pró-Hiper reuniu também food trucks, grafite, body arte, toy art, roupas, acessórios, shows, concurso de tatuagem e grandes nomes da tatuagem. Ao longo dos anos, a tatuagem vem perdendo cada vez mais o estereótipo de algo marginal e vem se tornando um nicho de destaque no mercado. Estudos mostram que o setor não sofreu abalos, mesmo diante da crise econômica em todo o país. Com isso, começaram a ser realizadas pelo país as exposições e convenções de tatuagem, que é exatamente o que a cidade passará a receber anualmente.